Home ATLÉTICO ACREANO Galo bica o Tigre e mantém a ponta da tabela

Galo bica o Tigre e mantém a ponta da tabela

 PUBLICIDADE

Clique na capa para acessar a nova edição do Futebol Acreano em Revista

MANOEL FAÇANHA

No primeiro choque dos invictos da quarta rodada do Campeonato Acreano, o Atlético derrotou na noite de ontem (21), na Arena da Floresta, o Plácido de Castro por 3 a 0. Pisika, Careca e Polaco fizeram os gols do time celeste.

O triunfo garantiu o Galo Carijó na liderança isolada do primeiro turno do Campeonato Acreano. O time celeste soma 12 pontos ganhos e 100% de aproveitamento em quatro jogos disputados. Por outro lado, o Tigre do Abunã continua na quarta posição com sete pontos ganhos.

Próximos jogos

O Plácido de Castro retorna a campo no próximo domingo (26) para encarar no estádio Florestão, às 15h30, o Andirá EC. Já o Atlético Acreano ganha uma semana de folga na tabela de jogos e o próximo compromisso está agendado para a próxima quinta-feira (30). O adversário será o Vasco da Gama, às 20h30.

Jogo

Galo e Tigre fizeram um jogo bem brigado desde os primeiros minutos de partida. O time celeste era um pouco melhor e criava as melhores oportunidades de gols. No entanto, o primeiro gol saiu somente aos 28 minutos, após o meia-atacante Pisika escorar cruzamento da direita para a rede.

O Tigre do Abunã ainda quase chegou ao empate nos minutos finais, mas a bola encontrou o travessão, após chute do meia Ley.

Com o time celeste abusando do jogo veloz, o volante Zé Nilton, já amarelado, parou o contragolpe celeste com um puxão no meia Jeferson. O árbitro Antonio Neuriclaudio aplicou a regra e expulsou o volante.

Mais gols

A etapa complementar de jogo iniciou com um bate-boca entre o técnico celeste Álvaro Miguéis e o seu goleiro Babau. O arqueiro não gostou da substituição.

Com um jogador a mais em relação ao Tigre do Abunã, o Galo acalmou a adrenalina e ampliou a vantagem aos 26 minutos, através do atacante Careca.

Nos acréscimos, o time celeste sacramentou a vitória com o meia-atacante Polaco, após se livrar do goleiro Hebert e empurrar a bola para a rede.