Home GIRO BRASIL Sem adversários Corinthians pode comemorar o título

Sem adversários Corinthians pode comemorar o título

84

Em seis partidas no segundo turno o líder do Campeonato Brasileiro Corinthians ganhou apenas sete pontos. É uma queda abissal em relação ao primeiro turno, quando perdeu apenas 10 pontos em 19 jogos. Mas seus adversários diretos pelo título foram também um fiasco.

Palmeiras fez somente 11 pontos em seis partidas. Já o Flamengo, 10. O Santos fez nove pontos em seis rodadas. O Grêmio conseguiu apenas quatro pontos no segundo turno do Brasileirão. Estou citando estes quatro times por que eles ficaram perto do Timão, na classificação geral, no fim do primeiro turno.

Dá pra entender um pouco que dos quatro adversários do Corinthians, apenas o Palmeiras não teve competição paralela nas últimas semanas, o que justificaria pontuações ruins dos outros concorrentes. Mas, ainda assim, o desempenho foi muito aquém do esperado e deixa o Corinthians mais perto do título.

O jogo-chave que começou a abrir o Campeonato Brasileiro para outros clubes, depois de uma sólida liderança do Corinthians, foi a derrota em casa do time do Parque São Jorge por 1 a 0 para o Vitória na 21ª rodada – e na rodada seguinte para o Atlético-GO também em casa pelo mesmo placar.

Nesse grupo que ainda pode chegar na pontuação do Corinthians – não matematicamente, mas pela probabilidade – está o Santos, Grêmio e Palmeiras. Na semifinal da Libertadores, o tricolor gaúcho dificilmente terá fôlego para correr atrás do título no Brasileirão 2017.

Este papel fica então, por ora, com o Santos e Palmeiras. Porém, ambas as equipes fazem jogo entre si na próxima rodada, o que é um primeiro alívio para o Corinthians já que um ou outro pode perder pontos preciosos (ou os dois). Um segundo alívio para o Timão é que somente o Palmeiras ainda o enfrentará – diminuindo apenas a um jogo a realização da chamada partida de seis pontos. O Santos já jogou contra o Corinthians no segundo turno e venceu por 2 a 0.

Enfim, essa realidade empurra o Corinthians ao título. A não ser que uma hecatombe faça o clube perder o prumo de vez, perdendo jogos de forma sequencial, e seus adversários diretos, por outro lado, vençam seguidamente. Mas como isso não aconteceu até agora, essa reviravolta vai ficando cada dia mais remota no Campeonato Brasileiro desse ano.